20 novembro, 2018

Mãe África (Paulo César Pinheiro & Sivuca) - Clara Nunes







No sertão, mãe que me criou
Leite seu nunca ma serviu
Preta Bá foi que amamentou
Filho meu, filho do meu filho
No sertão, mãe preta me ensinou
Tudo aqui nós que construiu
Filho tu tem sangue Nagô
Como tem todo esse Brasil


Oiê, dos meus irmãos de Angola, África
Oiê, pra Moçambique-Congo, África
Oiê, para a nação bangu, África
Oiê, do tempo do quilombo,  África

Pelo bastão de Xangô
E o caxangá de Oxalá
Filho Brasil pede a bênção Mãe África
Pelo bastão de Xangô
E o caxangá de Oxalá
Filho Brasil pede a bênção de Mãe África



Cidad3: Imprensa Livre!!! 
Arte, Cultura e Humor!


Datas 20 de Novembro





NOSSO NOME RESISTÊNCIA ( Zé Luis - Sereno - Nei Lopes ) - Alcione


CONSCIÊNCIA NEGRA
 
“Negro, sua Luta continua
 precisa sair com sua bandeira á rua
precisa continuar Lutando pelo seu Ideal
 precisa afetar a Consciência nacional 
 pos, a reforma agrária só terá Valor 
se não houver preconceito de cor
 vocês tem direito, muito mais
 a esta Terra Mãe
 imposta aos seus ancestrais
 vocês foram os Imigrantes
que do Brasil são amantes
 mesmo chegando aqui em corrente 
 levaram e levam esse pais pra frente
 então hoje vocês não podem deixar 
 ninguém sua Terra pegar
 vocês nos deram a Música. A comida, a religião
 nós te viramos as costas, negamos a mão
 os “intelectuais” dizem, com toda sua fraqueza 
 que a nossa língua é a português
 mas, a nossa Cultura popular
 veio de suas Terras, além Mar
 nós, brancos, te devemos demais
 nós cobre, pelo menos, a igualdade e a Paz”

(Sulinha 1988)









Olha nosso povo aí

Conjugando no presente o verbo Resistir

Nossos corpos densos Resistindo à opressão

Nossos nervos tensos suportando a humilhação


O olho cresceu, tumbeiro chegou

O couro comeu, o pau roncou

Mas o negro é aroeira

Envergou, mas não quebrou


Preto velho tem mandinga

De amansar feitor

Nega mina tem um dengo

De matar de amor


Palmares, balaios, malês, alfaiates

Fugas, guerrilhas, combates

Mão na cara, dedo em riste

Teatros, fundos de quintal, candomblés,

Blocos, jongos, afoxés

Assim também se Resiste

Negritude resplandecente

Consciente a se reconstruir

O nosso nome é Resistência

Olha o nosso povo aí


Cidad3: Imprensa Livre!!! 
Arte, Cultura e Humor!




Datas 20 de Novembro


A Revolta da Chibata: Luta, coragem e Bravura! João Cândido, um sonho de liberdade. - Camisa Verde e Branco 2003









Compositores: Didi e Carlão
"Orgulhosamente a Verde e Branco vai passar
Abram alas que a minha história eu vou contar
Sou o Almirante Negro, um bravo Feiticeiro,
O Grande Dragão do Mar
Não é ilusão o que vocês viram 
A Marinha tinha preconceitos e injustiças
E nos Pampas minha infância foi trocada
Por batalhas imortais, me revoltando
No Navio Minas Gerais


Na batida do tambor ô ô ô
O lamento se escondia la laia 
E na chibata do senhor 
O movimento de revolta se expandia


Assim, o tal Catete enganava,
O mundo inteiro com a anistia aclamada
Na Ilha das Cobras a vingança foi voraz
Ignoraram a bandeira da paz
E o sofrimento rumo à Amazônia
Selava destinos, fim da vida ou escravidão
Glória ao nosso povo brasileiro
Meu sonho hoje é verdadeiro
Sou Mestre-sala, João Cândido, o guerreiro


Vou navegar - eu vou eu vou
Vem nesse mar de amor amor 
Sou Barra Funda sou samba no pé
Gira baiana seu gingado tem axé"

Cidad3: Imprensa Livre!!! 
Arte, Cultura e Humor!

Datas 20 de Novembro



A Grande Constelação das Estrelas Negras - Beija Flor 1983








A grande...

A constelação

das Estrelas negras que reluz

Clementina de Jesus

eleva o seu cantar feliz

a ganga-zumba

que lutou e foi raíz

do negro que é arte, é cultura

é desenvoltura deste meu país

êh! Luana, êh Luana

o trono de França será seu baiana


Pinah ê ê ê Pinah

a cinderela negra

que ao príncipe encantou

no carnaval com o seu esplendor


Grande Otelo homem show

em talento dá olé

e o mundo inteiro gritou, gol! (é gol!)

gol do grande rei Pelé


ô ô ô iaôs quanto amor

quanto amor

as pretas velhas, iaôs

vêm cantando em seu louvor



Cidad3: Imprensa Livre!!! 

Arte, Cultura e Humor!


Datas 20 de Novembro



Narciso negro - Nenê de Vila Matilde 1997 Dom Marcos






O Negro é amor (amor, amor )
Negro é capaz, é capaz.
O negro é lindo, evoluindo
Sempre mais

É manhã
Vindos da África
Exportados sem querer
A negritude está em festa
"Nenê", sou mais você
Reluziu pelos continentes
Se destacou, se fez presente
De cana às minas de ouro
Sou herança de Zumbi
Sou liberdade, sou povo

Sou negro, sou arte
O estandarte do carnaval
Sou baluarte da cultura nacional

Hoje o negro sim
No esporte,
Na cultura e religião
É o orgulho
Deste mundo inteiro
Ademar foi o primeiro
Rei Pelé, eterno campeão
Musicalmente temos luz
Salve Clementina de Jesus
Um canto livre ecoa pelo ar
Vaidosa, minha "Vila" vai passar
No lago da reflexão
Espalhando a miscigenação
É tão sublime, é divinal
Com sutileza
Fiz valer meu ideal

O negro é amor (amor, amor )
Negro é capaz, é capaz.
O negro é lindo, evoluindo
Sempre mais



Cidad3: Imprensa Livre!!! 

Arte, Cultura e Humor!


Datas 20 de Novembro


07 novembro, 2018

Ney Matogrosso - Calúnias (Telma, Eu Não Sou Gay)



Terapeuta que defendia cura gay é flagrado em aplicativo de encontros gays 


Norman Goldwasser, um judeu ortodoxo norte americano que comparava ser gay à doença e prometia reverter a homossexualidade de seus pacientes com sua própria terapia, teve seu perfil no Manhunt – um aplicativo de encontros gays – exposto na Internet.
Com o nome de usuário HotnHairy72 (QuenteEPeludo72) e posando em fotos sem roupa, ele trocou ideia e chegou a topar um encontro no aplicativo com um usuário que na realidade era Wayne Besen, um dos responsáveis pelo site gay Truth Wins Out, o portal gay que o descobriu na plataforma e decidiu expor seu perfil.
Wayne contou ao site Cocktails and Cocktalk sobre o porquê decidiu fazer isso, expondo o pseudo-terapeuta:
“A vida dupla de Norman Goldwasser mostra toda hipocrisia e natureza dessa indústria de ‘cura gay’. Fiz isso para expor o ridículo e pedir a todos os Estados do país que proíbam a cura gay, este tipo de terapia que só prejudica pessoas LGBTs jovens e coloca suas vidas em risco”.
A cura gay já é proibida em vários estados dos Estados Unidos, como California, New Jersey, Oregon, Nevada, Washington, dentre outros. Clique aqui para ver a lista completa e atualizada.
Norman Goldwasser era parte de uma organização norte americana chamada JONAH (Judeus Oferecendo Novas Alternativas para Homossexuais), que prometia tratamentos de cura gay.
O dono do portal que expôs Norman ainda afirmou sobre o acontecido: “Ele é um caso típico de charlatão que ilude clientes e afeta a saúde mental dos mesmos fazendo acreditar que orientação sexual seja algo que possa ser revertido”.
Tá certo que não é legal expor ninguém, mas por um bem maior e afim de se escancarar a hipocrisia e salvar vidas que possam ser prejudicadas por conta deste tipo de terapia? EXPÕE MESMO, WAYNE! Tá certíssimo!


Diz que vai dar, meu bem
Seu coração pra mim
Eu deixei aquela vida de lado
E não sou mais um transviado

Telma, eu não sou gay
O que falam de mim são calúnias, meu bem
Eu parei . . . . .

Não me maltrate assim, não posso mais sofrer
Vamos ser um casal moderno
Você de bobs e eu de terno 
Telma, eu não sou gay
O que falam de mim são calúnias, meu bem
Eu parei . . 
Eu sou introvertido até no futebol
Isso tudo não faz sentido
E não é meu esse baby doll 
Telma, eu não sou gay
O que falam de mim são calúnias, meu bem
Eu parei . . 
Telma, ô Telminha, não faz assim comigo Não me puna por essas manchas no meu passado Já passou, esses rapazes são apenas meus amigos Agora eu sou somente seu, meu amor

Cidad3: Arte - Cultura - Humor!!!  Imprensa Livre!!! 

Terapeuta que defendia cura gay é flagrado em aplicativo de encontro

Saúde, Sorte e $uce$$o: Sempre!
http://br.groups.yahoo.com/group/Cidad3_ImprensaLivre/
  http://sulinhacidad3.blogspot.com/ 
 https://twitter.com/SulinhaSVO

AME Osasco - Magnetismo e Medicina







Cidad3: Arte - Cultura - Humor!!!  Imprensa Livre!!!  
 
Arte, Cultura e Humor!

Gotas de Paz.


Saúde, Sorte e $uce$$o: Sempre!