sábado, 18 de maio de 2013

LULU SANTOS, O COLECIONADOR DE HITS, CHEGA AOS 60 ANOS

Ícone do pop nacional celebra aniversário embalado por um disco dedicado a Roberto e Erasmo.


Por Bruno Negromonte, Carlos Albuquerque e Michele Miranda




RIO - Lulu Santos procura Frank Ocean. Está em algum lugar do seu iPod, mas ele nem espera chegar aos arquivos de “Channel orange”, a belíssima estreia do cantor americano de soul e integrante do grupo de hip-hop Odd Future, famoso também por ter revelado a sua homossexualidade perto do lançamento do disco, ano passado. De improviso, aquele que já se intitulou o último romântico começa a cantar trechos de “Thinkin bout you”, que narra uma dramática e mal resolvida relação amorosa.

— Há muito tempo que eu não decoro as letras de um disco inteiro, de sair cantando assim — diz ele. — E há muito tempo também que não escuto um disco tão bom, tão musical. Amo o Frank Ocean, sinceramente, amo. Ao mesmo tempo, tenho comprado também muitos discos antigos de blues, como Little Milton, Muddy Waters, esses caras. É um som pelo qual eu tenho uma grande paixão, quase um fetiche.

Lulu está na mesa de um restaurante na Gávea, tomando sopa, com as pernas cruzadas, permitindo ver o sapato Oxford, novinho em folha, com sola de borracha em tons goiaba, combinando com a meia, da mesma cor. O visual do cantor, compositor e instrumentista — que lança este mês um disco cantando Roberto e Erasmo Carlos — é completado por uma calça chino bege, um cinto de estampa de oncinha e uma blusa rosa. É assim, elegante e sincero, que ele chega, neste sábado, aos 60 anos.

— O universo pop pode ser muito cruel com a questão da imagem, e eu resolvi isso de forma bem simples, aparecendo na capa desse disco como um senhor com seus belos cabelos grisalhos.



Paixão pela Jovem Guarda

O disco se explica no título: “Lulu canta Roberto & Erasmo Carlos” (Sony Music). Com 13 músicas e duas vinhetas, ele cristaliza um projeto iniciado em 2011, que colocou Lulu, Maria Bethânia e Sandy interpretando músicas de seus ídolos, numa série de shows que correu várias cidades do país. Bethânia escolheu Chico Buarque, Sandy foi de Michael Jackson. Lulu optou pela dupla que influenciou decisivamente a sua escolha de vida profissional, iniciada há mais de quatro décadas.

— Eu gosto de música por causa da Jovem Guarda e por causa da televisão. Eu descobri isso vendo os programas que eram exibidos pela antiga TV Rio — diz ele. — E Erasmo, por exemplo, faz parte dessa primeira geração de artistas brasileiros influenciados pelo blues e pelo rhythm and blues. “Fama de mau” é um exemplo disso.

— Lulu é sempre moderno — devolve o Tremendão. — Ele tem um estilo único de ser. Sua ironia é fascinante, e o seu sentimento, muito real. Todos aprendemos com ele.

Curiosamente, Lulu se vê novamente envolvido pela televisão nesse momento de inevitável balanço, já que renovou contrato para mais uma temporada como jurado do programa “The voice”, que apresentou ao lado de Claudia Leitte, Carlinhos Brown e Daniel.

— Participar da primeira temporada foi uma coisa que mudou a minha vida — admite. — Parece que voltei a ter uma relevância, mesmo nunca tendo deixado de trabalhar da mesma forma que sempre trabalhei. No Brasil, a televisão sanciona ou afirma o gosto popular, algo que aprendi nos anos 1980, quando a gente fazia Chacrinha, “Globo de Ouro” e outros programas.

Ele dá mais uma colherada na sopa e volta a falar do disco, agora sobre o seu amigo Roberto Carlos.

— Me senti instalado dentro da obra alheia, tentando, no papel de arranjador, entender como ele e Erasmo trabalhavam suas composições e ao mesmo tempo comparando o meu processo de criar com o deles. E o Roberto, bom, ele foi a um dos shows daquela turnê, aqui no Rio, o que me impressionou e honrou muito. Depois, nos camarins, ele me falou “Pô, achei que você ia me chamar para tocar também”. Eu disse: “Se eu soubesse...”.

“Lulu canta Roberto & Erasmo Carlos” é o 24º disco de Lulu. Ele sabe que este é o momento de avaliar os outros 23 que ficaram para trás. E garante não se incomodar com o fato de essa avaliação ser baseada nos hits que eles produziram ou não.

— Ser definido pelo sucesso faz com que você passe a ser irrelevante quando não está cumprindo o seu papel de hitmaker, mesmo quando não está se preocupando exclusivamente com isso. Mas acontece, o sucesso vai e vem, é da trajetória de todos os artistas populares.

Lulu esquece de vez a sopa, já fria, e começa a cantar trechos de outra música, “Being boring”, dos Pet Shop Boys, que aborda a nostalgia da juventude e os dilemas do envelhecimento.

— A letra diz que chega um ponto da vida em que você se transforma naquilo que era para realmente ser. E eu acho que é isso mesmo.



'Lulu se reinventa mantendo a essência', diz Memê;



Dos 23 discos da carreira de Lulu Santos, entre de estúdio e ao vivo, o mais bem-sucedido em termos de números é "Eu e Memê, Memê e eu", lançado em 1995. O disco contabiliza mais de um milhão de cópias vendidas, com covers remixados de "O descobridor dos sete mares", "Se você pensa", "Fullgás" e "Sossego", além de versões repaginadas de clássicos da carreira de Lulu, como "Casa" e "Toda forma de amor". O DJ Memê, ou Marcello Mansur ("só a família me chama assim"), falou ao GLOBO sobre a capacidade de reinvenção de Lulu. E coloca-se à disposição para um segundo capítulo do trabalho que lhe rendeu discos de ouro, platina e diamante.


O que você acha que Lulu Santos representa para a música brasileira? Ele é mesmo o rei do pop nacional?

Como não ser? Atravessou décadas "re-inventando-se", mas mantendo sua essência; conquistou novos fãs e continua no topo, levando lotação máxima onde toca; não há um ser humano no Brasil que não conheça pelo menos uma de suas músicas. Surgiu em uma geração, onde é visto que poucos sobreviveram... e o fez com uma grande diferença entre todos: Enquanto os outros são banda, com várias cabeças pensantes, ele é o único artista solo! Que outro título dar a ele?

Como ele conquistou essa relevância?

A resposta permeia a sua obra de ponta a ponta: a canção! Alem do alto padrão de suas composições, suas canções mais conhecidas, são experiências vividas por ele. Ao interpretá-las, ele canta com verdade, e isso emociona o público. Junto a tudo, ele tem algo que somente os grandes possuem: Lulu tem a "lágrima" na voz. Não há como resistir. A fórmula está aí, mas repeti-la, não é pra qualquer um.





Qual a importância de se reinventar no mundo pop? Ele faz isso bem?

O universo da música pop, diferente do "popular" por exemplo, tem o árduo e muitas vezes cruel compromisso com a modernidade, forçando artistas consagrados a procurarem novos sons ou formatos musicais. A constante mudança de sonoridade já vem embutida nas regras de manutenção do sucesso, e poucos sabem fazê-lo. Mesmo entre esses poucos, raros têm coragem para mudar, e Lulu é o único que faz isso naturalmente e sem dor. Mudar é inerente à sua pessoa, e ele o faz sem perder sua essência. Ele é o sinônimo encarnado do pop.

Você acha que pode haver algum novo capítulo de "Eu e Memê, Memê e eu"?

Este foi o disco que mais vendeu em sua carreira. Passou de um milhão e vende até hoje, mas não o vejo indo em direção a fórmulas passadas. Não seria ele. Mesmo assim, ele sabe que continuo a ter prazer em nossa parceria, e é so "esfregar a lâmpada" que eu apareço.

Qual sua música preferida do repertório dele?

Difícil eleger apenas uma, então...fico com duas: "Tudo bem", do álbum "Lulu" de 1986, e "Tudo igual" do álbum "Assim caminha a humanidade", que foi a música que deu start à nossa parceria, e me fez chorar quando ele a tocou pela primeira vez em meu estúdio. (Veja o vídeo com o registro acima.)




Discografia Oficial



Tempos Modernos (1982)


Faixas:01 - Tempos Modernos
02 - Tudo Com Você
03 - De Repente California
04 - Scarlet Moon
05 - Sirigaita
06 - Bole Bole
07 - Palestina
08 - Areias Escaldantes
09 - De Leve
10 - Tesouros da Juventude
11 - Fricção Científica



O Ritmo Do Momento (1983)


Faixas:01 - Adivinha o Quê
02 - Um Certo Alguém
03 - Você Teima
04 - Como Uma Onda (Zen-Surfismo)
05 - Esse Brilho Em Teu Olhar
06 - Chicana
07 - Seu Mal / Moon da Lua / Metal Leve
08 - Tudo
09 - Tudo Mais
10 - O Ritmo do Momento



Tudo Azul (1984)


Faixas:01 - A Força do Destino
02 - Tudo Azul
03 - Respeito
04 - Aguenta a Mão
05 - Ano Novo Lunar
06 - Ronca Ronca
07 - O Calhambeque
08 - Questão de Estilo
09 - Certas Coisas
10 - Tão Bem
11 - Lua-de-Mel
12 - O Último Romântico



Normal (1985)


Faixas:01 - Sincero
02 - Cara Normal
03 - Vida Incomum
04 - Brigas (Meu Benzinho)
05 - Replay
06 - De Repente
07 - Um Dia Na Vida
08 - Atualmente
09 - Ny Popoya Y Papa
10 - Cara Legal
11 - Ahn-Han



Lulu (1986)


Faixas:01 - Casa
02 - Condição
03 - Minha Vida
04 - Pé Atrás
05 - Um Pro Outro
06 - Twist (Disco)
07 - Duplo Sentido
08 - Telegrama
09 - Demon
10 - Ro-Que-Se-Da-Ne



Lulu Santos E Auxílio Luxuoso - Amor À Arte (1988)


Faixas:01 - Mojo
02 - Dinossauros Do Rock
03 - Não Identificado
04 - Um Certo Alguém
05 - O Último Romântico
06 - Lei Da Selva
07 - You”ve Got To Hide Your Love Away
08 - Lá Vem O Sol (Here Comes The Sun)
09 - Tudo Bem
10 - Ny Popoya Y Papa
11 - Toda Forma De Amor
12 - Asa Branca (Vinheta)




Toda Forma De Amor (1988)


Faixas:
01 - Mojo
02 - Nova Ordem
03 - Cobra Criada
04 - Paz e Amor
05 - Riding A High
06 - Ton Ton
07 - Toda Forma De Amor
08 - A Cura
09 - Bilhetinho
10 - Satisfação
11 - Futuro Do Passado



Popsambalanço e Outras Levadas (1989)


Faixas:
01 - Brumário
02 - Eu Não
03 - E.O.Q.A.
04 - Parangolé
05 - Samba dos Animais
06 - Pop Coraçãos
07 - Perguntas
08 - O Rei
09 - A2
10 - Vícino
11 - Os Sobreviventes



Honolulu (1990)


Faixas:01 - Moonsense
02 - Pra Você Parar
03 - Papo Cabeça
04 - Samba em Berlim
05 - Ñ Acredito
06 - Honolulu (O Havaí é Lá)
07 - Rio Comprido Blues
08 - Leia Meus Lábios
09 - Imaginação
10 - Senta a Pua
11 - Mina D”prazer
12 - Outro Papo



Mondocane (1992)


Faixas:01 - Um Vício
02 - Cicatriz
03 - Foi Mal
04 - A Coisa Certa
05 - Apenas Mais Uma de Amor
06 - Ecos do Passado
07 - Fevereiro
08 - Máquinas Macias
09 - Hormônios
10 - Aquela Vontade de Rir
11 - Realimentação
12 - E Então? (Boa Pergunta)




Assim Caminha A Humanidade (1994)


Faixas:01 - Tudo Igual
02 - Assim Caminha A Humanidade
03 - O Que É Bom
04 - Inestimável
05 - Hey Hey, My My (Into The Black)
06 - Bigorrilho
07 - Tuareg
08 - Graal
09 - Febre
10 - Tim Medley (Do Leme Ao Pontal/Rodésia)



Eu E Memê, Memê E Eu (1995)


Faixas:01 - O Descobridor Dos Sete Mares
02 - Se Você Pensa
03 - Fullgás
04 - Tribal
05 - Sossego
06 - Sereia
07 - Cyberia [Instrumental]
08 - Speech
09 - Casa [A House in the Jungle Mix]
10 - Tudo Bem [The R e B Flavor Song]
11 - Perereca FM
12 - Toda Forma de Amor [Funk You Mix/Rap Do La]
13 - Tudo Igual (Meme Vocal Club Anthem)
14 - Assim Caminha a Humanidade [Extended 70"s Mix]
15 - Tudo Igual [The Mameluco Homeboy Mix]
16 - Tudo Igual [Cool Cut Mix]
17 - Message



Anti Ciclone Tropical (1996)


Faixas:01 - Aviso aos Navegantes
02 - Cadê Você
03 - Assaltaram a Gramatica II
04 - Vai Entender
05 - Quero Minha Mãe
06 - Boca a Boca
07 - Chac
08 - De Pé Junto
09 - Pipoca à Meia-noite
10 - Demoro
11 - Dancin” Days
12 - El Chupacabra



Liga Lá (1997)


Faixas:01 - Hyperconectividade
02 - Ando Meio Desligado
03 - Kryptonita
04 - De Mi
05 - Eu Sou Outro Você
06 - Fé Cega, Faca Amolada
07 - Tempo / Espaço
08 - Dê Um Rolê
09 - Creio
10 - La Danza Del Tezcatlipoca Rojo
11 - Chico Brito
12 - Quetzalcoalt
13 - Vôo De Coração



Calendário (1999)


Faixas:01 - Fogo de Palha
02 - Mala e Cia
03 - Aquilo
04 - Bolado
05 - Navegadora
06 - Eu Não
07 - Paraíso Perdido
08 - Brasil Legal
09 - Nau Dos Insensatos
10 - Sábado À Noite
11 - Shani

Acústico MTV (2000)

Faixas:CD 01
01 - Made In Brasil
02 - Apenas Mais Uma de Amor
03 - Condição
04 - Deusa da Ilusão
05 - Toda Forma de Amor / Um Certo Alguém / O Último Romântico
06 - Janela Indiscreta
07 - Tão Bem
08 - Aquilo
09 - Satisfação
10 - Astronauta
11 - Certas Coisas
12 - Sábado à Noite
13 - Tempos Modernos
CD 02
01 - A Cura
02 - Apenas Mais Uma de Amor
03 - Deusa da Ilusão
04 - Tão Bem
05 - Tudo Bem
06 - O Retorno do Maia Intergaláctico
07 - Aviso Aos Navegantes
08 - Tudo Igual
09 - Assim Caminha a Humanidade
10 - Esta Canção
11 - Tempo Espaço
12 - Sereia / De Repente Califórnia / Como Uma Onda
13 - Casa


Programa (2002)

Faixas:01 - Do Outro Mundo
02 - Amém
03 - Tempo Real
04 - Figurativa
05 - A Mensagem
06 - Todo Universo
07 - Salto Fino
08 - Walkpeople®
09 - Compaixão
10 - Luca
11 - Éros e Tánatos
12 - 4 do 5 (sub dub do be e d ba)


Bugalu (2003)

Faixas:
01 - Já é
02 - Leite e Mel
03 - Melô do Amor
04 - Sem Pressa
05 - Jahu
06 - Lingua Presa
07 - Raio
08 - Delete
09 - Rito Pagão
10 - Intoxicado
11 - Chega D Dogma


MTV ao Vivo (2004)

Faixas:01 - Condição
02 - Toda Forma de Amor
03 - Um Certo Alguém
04 - O Último Romântico
05 - Sincero
06 - Adivinha o Quê
07 - Tudo Com Você
08 - Um Pro Outro
09 - Tempos Modernos
10 - A Cura
11 - Apenas Mais Uma de Amor
12 - Tudo Bem
13 - Aviso aos Navegantes
14 - Assim Caminha à Humanidade
15 - Ja é
16 - Como Uma Onda
17 - Casa
18 - Sem Nunca Dar Adeus


Letra e Música (2005)

Faixas:
01 - Gambiarra
02 - Roleta
03 - Sinhá e Eu
04 - Manhas e Mumunhas
05 - Vale de Lágrimas
06 - De Cor
07 - Letra e Música
08 - Pop Star
09 - Bonobo
10 - Ele Falava Nisso Todo Dia
11 - Din Din
12 - Zerodoisum
13 - Circulando


Long Play (2007)

Faixas:01 - Olhos de Jabuticaba
02 - Domingo Maldito
03 - Seu Aniversário
04 - Deixa Isso Pra Lá
05 - Contatos
06 - Ninguém Merece
07 - Boa Vida
08 - Dopamina
09 - Surreal
10 - Propriedade Particular
11 - Se Não Fosse o Funk
12 - Olhos de Jabuticaba – Remix
13 - Seu Aniversário – Remix
14 - Seu Aniversário – Karaokê


Singular (2009)

Faixas:01 - Spidermonkey
02 - Na Boa
03 - Duplo Mortal
04 - Baby de Babylon
05 - Singular
06 - Atropelada
07 - Black and Gold
08 - Perguntas
09 - Fulcio
10 - Procedimento
11 - Zazueira
12 - Restinga


Acústico MTV II (2010)

Faixas:01 - E Tudo Mais
02 - Papo Cabeça
03 - Um Pro Outro
04 - Dinossauro do Rock
05 - Vale de Lágrimas
06 - Tudo Azul
07 - Minha Vida
08 - O Óbvio
09 - Adivinha o Quê?
10 - Brumário
11 - Baby de Babylon
12 - Já É
13 - Pra Você Parar
14 - Auto Estima


Lulu Canta e Toca Roberto e Erasmo (2013)

Faixas:01 - As curvas da estrada de Santos
02 - Minha fama de mau
03 - Se você pensa
04 - Influência do blues (Vinheta)
05 - Sou uma criança, não entendo nada
06 - Como é grande o meu amor por você
07 - Sentado à beira do caminho
08 - Não vou ficar
09 - Festa de arromba
10 - Quando
11 - Você não serve pra mim
12 - Eu te darei o céu
13 - É preciso saber viver
14 - Emoções
15 - Boogaloop (Vinheta)

De: Musicaria Brasil < brunonegromonte@gmail.com >
Para: sulinha3@ig.com.br
Assunto: Musicaria Brasil

--